O Profeta da Misericórdia Site

Liga do Mundo Islâmico - Organização Mundial para Apresentar e Apoiar o Mensageiro de Deus

As necessidades da Humanidade na missão do Profeta Muhammad

O Profeta Muhammad (Deus o abençoe e lhe dê paz) elevou a importância da moralidade na vida humana. Ele (Deus o abençoe e lhe dê paz) clamou pelas boas maneiras , honestidade, lealdade e castidade , além de fortalecer os vínculos sociais como o cumprimento dos deveres para com os pais e parentes, enquanto sempre praticava aquilo que pregava. Ele (Deus o abençoe e lhe dê paz) proibiu e admoestou contra comportamentos negativos como a mentira, a inveja, a traição, a fornicação e o desrespeito aos pais, e ele tratou os problemas que advém desses males.

Allah exaltou Seu Profeta no Alcorão, dizendo:

“E decerto és de nobilíssimo caráter.” (68:4)

Mesmo antes de sua profecia, ele (Deus o abençoe e lhe dê paz) era conhecido como “o Confiável” devido à sua veracidade e honestidade. E quando emigrou de Makka, ele (Deus o abençoe e lhe dê paz) não se esqueceu de tornar Ali Bin Abi Talib responsável por devolver todas as posses confiadas a ele a seus legítimos proprietários; alguns deles estavam entre os descrentes dos Coraixitas, que o tinham expulsado de sua terra natal.

Assim, o Profeta Muhammad (Deus o abençoe e lhe dê paz) sempre clamou por caráter excelente e o encorajou ao falar da promessa de recompensa. De fato, alguns dos muitos versos do Alcorão que promovem a boa moral foram a causa da aceitação do Islam por muitos cidadãos de Makka. Na biografia do Profeta (Deus o abençoe e lhe dê paz), é mencionado que ele (Deus o abençoe e lhe dê paz) recitou as palavras de Allah para dois mensageiros dos líderes tribais:

“Decerto Deus ordena a justiça e a boa conduta, a caridade, o auxílio aos parentes e veda a obscenidade, o ilícito e a iniqüidade. Ele vos admoesta para que mediteis.” (16:90)

Eles retornaram a seus chefes e disseram:

“Ele nos disse algumas palavras”, e quando as repetiram ao seu líder, ele disse:

“Vejo que ele incentiva as boas maneiras e proíbe as más”.

Entre os princípios morais mencionados no Alcorão estão as seguintes palavras de Allah :

· “É recompensa para o bem, qualquer coisa exceto o bem?” (55:60)

· “E dizei boas coisas às pessoas.” (2:83)

· “E não vos esqueçais da gentileza uns com os outros.” (2:237)

· “Mostrai leniência, incentivai o que é bom, e afastai-vos do ignorante. E se uma sugestão maligna vos vier de Satã, buscai refúgio em Allah. Decerto, Ele é Oniouvinte e Onisciente.” (7:199-200)

Os princípios mencionados nas afirmações do Profeta (Deus o abençoe e lhe dê paz) oferecem soluções a muitos dos problemas psicológicos e sociais enfrentados pelos que se afastam de sua orientação. Esses princípios ele divulgou às pessoas como piedade por elas, como instrução e salvação do sofrimento neste mundo e da punição no Outro mundo. Entre eles estão:

“O forte não é o que derruba os outros; o forte é o que se controla quando enfurecido.”[1]

“Não vos enfureçais.” (Ele (Deus o abençoe e lhe dê paz) repetiu isso várias vezes àqueles que buscaram o seu conselho)[2].

“Aquele que não é grato às pessoas não é grato a Allah.” [3]

“Entre os melhores de vós estão os de melhores maneiras.” [4]

“Nenhum de vós (verdadeiramente) acredita até que deseje para seu irmão o que deseja para si mesmo.” [5]

 

--------------------------------------------------------------------------------

[1] Narrado por Al-Bukhari

[2] Narrado por Al-Bukhari

[3] Narrado por Ahmad e outros

[4] Narrado por Al-Bukhari e Muslim

[5] Narrado por Al-Bukhari