O Profeta da Misericórdia Site

Liga do Mundo Islâmico - Organização Mundial para Apresentar e Apoiar o Mensageiro de Deus

mohammad

Primeiro Objeto de pesquisa: Mohammad (Deus

o abençoe e lhe dê paz), o Órfão:

James Michener disse sobre o Profeta (Deus o abençoe e lhe dê

paz): “Nasceu َrfمo, gostando dos pobres, dos necessitados, das

viْvas e dos َrfمos.”

666 Philipe Hitti667

disse: “Apesar de ter sido um

pobre َrfمo, tinha sempre a capacidade de ser solidلrio com os

necessitados.”

668

Quem pode se preocupar mais com o َrfمo do que Mohammad,

sendo ele o Profeta َrfمo da misericَrdia, que incentivou o auxيlio

e o sustento dos َrfمos, ele que sentiu a amargura da orfandade,

pois ele foi privado de mمe e pai. Seus olhos nمo conseguiram

ver a imagem do pai, e logo perdeu a mمe aos seis anos de idade.

Seu Senhor o amparou e cuidou dele e o tornou uma pessoa de

altيssimas qualidades humanas. Deus menciona isso no Alcorمo,

666 Copiado de Mohammad Charif Chibáni, “O Mensageiro nos Estudos Orientalistas Imparciais”,

pág. 120.

667

 

Historiador cristão libanês. Nasceu na aldeia de Chamlan, região da montanha do Líbano em

1886. Doutorou-se em Estudos Orientais na Universidade de Colômbia em 1915. Faleceu em

 

1978.

Philippe Hitti, “O Islam, Sistema de Vida”, pág. 54.

668 Professor de História na Universidade de Ohio, autor de vários estudos a respeito dos países

orientais.

dizendo: “Porventura, nمo te encontrou َrfمo e te amparou?

Nمo te encontrou extraviado e te encaminhou? Nمo te achou

necessitado e te enriqueceu? Portanto, nمo maltrates o َrfمo,

nem tampouco repudies o mendigo, mas divulga a mercê do teu

Senhor, em teu discurso.” (93:6-11).

Deus o ordenou agradecer pela dلdiva de maneira a ser agradلvel

com o َrfمo, nمo subjugل-lo, nمo feri-lo e nمo humilhل-lo, dar-lhe

carinho, sanar o ferimento de seu coraçمo, passar a mمo em sua

cabeça e ser o pai carinhoso de todos os َrfمos da humanidade,

principalmente em tempos em que a sociedade era insensيvel e nمo

tinha piedade do َrfمo. O Mensageiro de Deus (Deus o abençoe

e lhe dê paz) foi enviado para sociedades – como disse Sidney

Fisher

669

– “Em que as viْvas, os َrfمos e os outros enfraquecidos

eram vistos como mecadoria de baixo valor. Entمo, Mohammad,

apesar de ser desprovido de tudo que aquele povo sente orgulho

em ter, lhes chegou com a orientaçمo a Deus e para o caminho

da salvaçمo, mudando o critério moral e ético em todos os paيses

لrabes.”

670

O Profeta (Deus o abençoe e lhe dê paz) “viveu sempre preocupado

com a situaçمo dos َrfمos”, como disse Luise Sedio.

Com isso, o َrfمo nمo se sentia constrangido, nem se sentia

menosprezado ou triste quando via algum menino ao lado do pai,

669

 

Sidney Fisher: “O Oriente Médio no Período Islâmico”, págs. 54-55.

 

670 Luise Sedio: “História Geral dos Árabes”, pág. 10.

 

alegre, abraçado a ele, porque encontrou entre os muçulmanos

mais de um que o trata daquela forma.

Por isso, encontramos que o Alcorمo Sagrado menciona o assunto

do َrfمo vinte e três vezes devido à importância da colaboraçمo

da sociedade islâmica em cuidar do َrfمo, como o Profeta (Deus o

 

abençoe e lhe dê paz) nos ensinou