O Profeta da Misericórdia Site

Liga do Mundo Islâmico - Organização Mundial para Apresentar e Apoiar o Mensageiro de Deus

mohammad

Primeiro: O seu prestar atençمo a Utba e sua gentileza com ele: Utba Ibn Rabi’a, um dos idosos dos politeيstas de Makka, foi ter como Profeta (Deus o abençoe e lhe dê paz) com uma conversa longatentando impedi-lo de seguir em sua mensagem. Entre o que eledisse, foi: “Você é melhor ou Abdullah? Você é melhor ou Abdul

Muttalib?” O Profeta (Deus o abençoe e lhe dê paz) ficou calado, poreducaçمo e para se esquivar dos insensatos.Utba continuou falando: “Se você alega que eles sمo melhores do quevocê, eles adoraram os deuses que você rejeita. Se você alega que émelhor do que eles, ouça o que vou lhe dizer. Você nos envergonhou

781 Sahih al Bukhári, nº 64.

782 Sahih Musslim, nº 2376.

 

perante os لrabes. Eles alegam que hل um adivinho dos coraixitas,

que hل um mago entre os coraixitas. Eles sَ desejam que a gente se

digladie para eliminarmos uns aos outros.

783

Quando Utba percebeu

a educaçمo do Profeta (Deus o abençoe e lhe dê paz), ele amainou

o seu tom, dizendo: “س sobrinho, se você deseja, com o que estل

expondo, dinheiro, vamos lhe reunir dinheiro suficiente para ser o

mais rico entre nَs. Se você deseja honra, vamos nomeل-lo o nosso

lيder e nada decidiremos sem você. Se quiser ser rei, vamos nomeلlo

o nosso rei. Se o que você sente é alguma loucura que você nمo

consegue evitar, vamos lhe providenciar os mais hلbeis médicos e

gastarmos o que for preciso para curل-lo.

Ele continuou falando ao Profeta (Deus o abençoe e lhe dê paz) esse

tipo de conversa repleta de acusaçُes e constrangimento, com o

Profeta quieto, ouvindo com todo respeito.

Quando Utba parou, o Profeta (Deus o abençoe e lhe dê paz) disselhe

com educaçمo e gentileza: “Terminou, َ Abu Walid?” Respondeu:

“Sim!”

Disse-lhe o Profeta (Deus o abençoe e lhe dê paz): “Ouve-me, agora.”

O homem disse: “Pode falar.”

O Profeta (Deus o abençoe e lhe dê paz) leu para ele o inيcio da

Surata Fussilat. 784

783 Assira al Halabiya, 1/456

784

Ver Ibn Kacir, Assira Annabawiya 1/504.